terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

carnaval, camping e virose....


Carnaval... aff... detesto. Talvez pelo fato de nunca ter saído de Brasília nessa época... e a referência de carnaval em Brasília se resume a Galinho, Pacotão e mais recentemente Gran Folia. Nunca fui ao tal Gran folia, e não estou pretendendo ir... penso que esse lugar é tipo pipoca da micarê... cheio de gente uó, brigas, bebedeira sem controle, e essas coisas... Aff... acho que essa opinião é coisa develho, afinal carnaval é bebedeira, falta de controle, sexo desvairado e todos os excessos... Mas todo esse textinho sem propósito foi para dizer que fui acampar... Nunca tinha feito isso antes... fui para um local aqui pertinho, para um ambiente família, cheio de criancinha correndo de um lado para o outro, onde o contato com o mundo real é praticamente zero, pois não tinha TV, celular, rádio.... nada que me fizesse lembrar se quer em que dia da semana estava. Mas como sou uma pessoa dotada de "sorte"... ontem, no terceiro dia, quando tudo parecia normal... eu simplesmente adquiri não sei como, nem de onde... uma VIROSE... segundo o médico essa virose se espalhou rapidamente por Brasilia, e está levando uma cambada de foliões a encurtarem sua festa da carne. Sempre achei esse papo de virose coisa de médico que não sabe o que o paciente tem... Como fui em dois hospitais e o diagnóstico foi o mesmo... Vou fingir que acredito que estou com a tal da virose do carnaval. Com o fim antecipado da minha aventura no camping ficou o gostinho de quero mais, que tentarei matar assim que puder!

Nenhum comentário:

Postar um comentário