terça-feira, 11 de agosto de 2009

Estou o cúmulo da importância...






Pessoas... pensem numa neguinha que tá se achando! Pois é... Eu estou me achando a própria "jornalista" (Gilmar Mendes abriu precedente pra mim! agora aguenta!) Levei um susto quando lí o comentário abaixo:

Alexandre Lana Lins disse...
Olá! Seu blog será destaque nesta quarta (12/08) no Programa Blog da Vez. Confira no link Ouça ao Vivo no site www.elofm.com.br. Horário: 8 da manhã e 2 da tarde!Parabéns pelo seu trabalho!Grande abraço,Alexandre Lana Lins

Num primeiro momento achei que fosse um trote... mas depois percebi que é real! Tem gente que nem faço idéia que lê esse Blog! Isso me deixa muito lisongeada... e esse sentimento para uma leonina pode ser perigoso kkkkkkkk.... Os leoninos se acham... e eu não fujo a regra... Me acho meeeesmo!

Então pessoas... quem puder... Ouça o programa amanhã! Eu estarei ligadinha bem cedo... pra ver o que vão falar, afinal não tenho a menor idéia do que as pessoas que não me conhecem acham desse espaço louco!
Update: ouça aqui

domingo, 9 de agosto de 2009

eu e a gripe do porco...



Estou gripada! Afff... mas acho que não é gripe suína pois não estou com febre... apenas com uma dor insuportável no corpo todo, uma tosse uó, a corisa báaaasica de toda gripe e uma leve dificuldade de respirar! Na verdade estou um tantinho preocupada... fico medindo minha temperatura de hora em hora... pois esse é o único sintoma que falta pra eu mesma dar o diagnóstico de gripe suína. Nem penso em procurar o hospital de referência pra averiguar... só vou quando estiver quase morrendo, como espero que isso não aconteça... não vou! ninguém merece o hospital de referência aqui de Brasília. Um lixo, imundo, um bando gente de se misturando e esfregando secreções de gripe em você, nego baleado entrando a todo momento, craianças gritando e todos aqueles ingrediente "ótimos" do nosso atendimento hospitalar no Brasil... e tem outra coisa, não acredito que aquela máscara consiga impedir alguma coisa... então só vou em caso de quase morte! Enquanto eu ainda conseguir andar, enxergar e respirar ficarei em casa. Sem atormentar ninguém!


PS.: quanto drama hein minha gente! Tudo isso por uma gripezinha vagabunda!