segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

escravidão...

A "libertação da mulher" numa sociedade escravista como a nossa deu nisso: Superobjetos. Se achando livres, mas aprisionadas numa exterioridade corporal que apenas esconde pobres meninas famintas de amor, carinho e dinheiro.

São escravas aparentemente alforriadas numa grande senzala sem grades.

Mas, diante delas, o homem normal tem medo.

Elas são "areia demais para qualquer caminhãozinho".

Por outro lado, o sistema que as criou enfraquece os homens.

Eles vivem nervosos e fragilizados com seus pintinhos trêmulos, decadentes, a meia-bomba, ejaculando precocemente, puxando sacos, lambendo botas, engolindo sapos, sem o antigo charme "jamesbondiano" dos anos 60.

Não há mais o grande "conquistador".
 
Arnaldo Jabor

domingo, 5 de dezembro de 2010

meu novo pixaim


Oie...
Já contei aqui que decidi não mais usar cabelo escovado, chapado, progressivado e etc... Há mais ou menos dois meses minhas madeixas estão in natura... só que os 10 anos de quimica e secador deixaram as pontas daquele jeito... súper mega power esticadas e ontem resolvi cortar! Fui com algumas informações achadas aqui na net de como cortar, o tipo de corte... essas coisas! Pois bem, minha idéia era tirar só uns 3 dedinhos... já que ele estava num comprimento até grandinho. Mas como eu não entendo nada de corte de cabelo... A cabelereira me avisou que se eu tirasse só os dedinhos que eu pretendia não ia adiantar nada, as pontas continuarias esticadas e o cabelo continuaria com aquela cara da nada. Então radicalizei! cortei na altura da nuca, mas um corte lindo... onde os cachos aparecem bem... e a parte podre do alisamento foi toda para o lixo! Estou satisfeitissíma, pois se tem uma coisa que não tenho medo de mudar é meu cabelo. Semana que vem vou marcar umas luzes para tirar esse aspecto uniforme da cor... e pronto! Meu pixaim será o mais lindo do serrado!!!! Depois coloco fotos!!!!